setembro 12, 2006
outubro 24, 2006

A Aula do dia 19 / 09 / 2006

Primeira parte: A aula

Com a exibição do documentário América pode-se perceber quão importante foi a política imperialista imposta ao mundo e principalmente ao continente americano (SUL , CENTRAL e NORTE). Importante é analisar: o que de bom eles nos ofereceram e nós aceitamos de bom grado?! “O estilo norte-americano de vida” perpassa nossa vidas encravando o consumismo, a mecanização e hegemonização dos nossos cérebros (seria isso novidade?). Eu poderia mais fica linhas e linhas dizendo o quanto foi bom este imperialismo (é mesmo?), mais a sanidade mental me chama e eu não posso ficar discutindo sobre isso (nem que depois alguém me chame para comer um hamburger no MC Donald’s o que seria o cumulo do absurdo). Voltando ao meu estado normal de pensamento e ao assunto, o documentário trata de uma serie de assuntos e no final mostra o que realmente tem haver com a disciplina (claro que o conteúdo do documentário é importante para nos) mais no final deste é onde trata das tecnologias, ou melhor, o que os EUA produziu de tecnologia para eles e para o mundo. Aborda um certo “Vale do Silício” que apesar de ser uma localidade pequena, de pequenas empresas consegue rende milhões de dólares. Claro e sem esquecer que foi de la que surge os brilhantes projetos (GNU-LINUX e Microsoft) e guardando as devidas proporções e cuidados. No mais acho que foi só (mais teve muito mais)… e com relação ao hamburger… foi só um lapso de memória.

Segunda parte: O Seminário.

Em 1º lugar gostaria de dizer que fique chateado pelo fato dos meus colegas não terem participado, entendo que tem os que moram longe(eu também moro longe), ou não podiam ficar pelos empecilhos da vida, contudo, acho que pelo menos a equipe de “TV e Midia” poderia ter participado… tudo bem somos seres humanos “grandinhas(os)” o suficiente… A noticia boa é que tudo foi gravado e transmitido pela Radio Faced e esta gravado (é só por um pouco de pressão que Moisés libera esta gravação para a gente… nem tudo esta perdido). Com relação a exposição do André de Castro (palestraste), sobre o Projeto ele explicou como foi desenvolvido o “setup box” (creio que seja assim que se escreve, não tenho certeza) e como será o Sistema Brasileiro de Televisão Digital (SBTVD). Na explicação inicial foi dito por ele que o brasileiro teria mais inter atividade com a Tv, ou melhor com os programas que são transmitido pelas emissoras, só que para interagir com estes programas o brasileiro teria que ter um “setup box” apropriado para esta função. Estes “setup box’s” vão desde os que só fazem transformar o sinal da transmissão do analógico para o digital, como o mais moderno que permiti a interatividade com a Tv. Até ai tudo bem se não fosse um detalhe pequeno $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$ o preço. Foi calculado que um “setup box” simples custará na faixa de R$ 200,00 (preço insignificante para os brasileiros que sobrevivem com um salário mínimo), sem falar do “setup box” mais avançado que permite a tal inter atividade (na faixa de R$ 700,00). Pergunta-se: existe inclusão, interação? Quem decidiu sobre a implantação deste sistema foram todos os brasileiros????????????????
É melhor eu para por aqui antes que eu escreva um artigo…

2 Comentários

  1. AnJaka disse:

    Hi o, I want to introduce you to http://freearticle.name

  2. ENCARANDO DESAFIOS disse:

    Bruno,com relação a tvdigital,concordo com você e penso que será com toda nova invenção tecnológica.No início só alguns teram, depois com a concorrência querendo aproveitar os excluídos,apareceram as vantagens,os planos de ‘n’ vezes.E com certeza,a maioria darão um jeitinho de tê-la.

Deixe uma resposta para ENCARANDO DESAFIOS Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *